Notícias dos Programas Ambientais

Supervisão Ambiental verifica a emissão de ruídos

A 20ª campanha do Programa de Monitoramento de Ruídos ocorreu nos dias 21 e 22 de dezembro com o objetivo de controlar os níveis de poluição sonora oriundos das obras de duplicação da BR-116/RS. As amostragens realizadas pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), por meio da Gestão Ambiental (STE S.A.), acontecem a cada dois meses e analisam pontos descritos no Plano Básico Ambiental (PBA) ou definidos pela equipe de acordo com o deslocamento das frentes de obra.


Leia mais...

Equipe monitora áreas de apoio de acordo com o licenciamento ambiental

O licenciamento ambiental das atividades executadas nas áreas de apoio das obras de duplicação da BR-116/RS – de Guaíba a Pelotas – estabelece diretrizes para que a operação ocorra com o devido controle, monitoramento e mitigação dos impactos gerados. O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), por meio da Supervisão Ambiental (STE S.A.), orienta as construtoras e fiscaliza se as ações estão de acordo com as condicionantes da respectiva licença emitida pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA). A metodologia de atuação está prevista no Programa Ambiental para Construção (PAC) do empreendimento.


Leia mais...

Flora e DST são temas de palestra na construtora SBS

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), por meio da Gestão Ambiental (STE S.A.) das obras de duplicação da BR-116/RS, participou da Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho (SIPAT) da construtora SBS, empresa responsável pela execução do Lote 8 do empreendimento. No dia 08 de dezembro, em Turuçu, a equipe realizou palestras para mais de 40 colaboradores com o objetivo de sensibilizar e mitigar potenciais impactos socioambientais.

Leia mais...

IBAMA entrega jazida a proprietário em Pelotas

A jazida EC-21 localizada no km 501 da BR-116/RS, no Lote 9 das obras de duplicação da rodovia, em Pelotas, foi vistoriada pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) e entregue ao proprietário na última terça-feira (01/12/2015). Utilizada para extração de argila desde dezembro de 2014, a área foi recuperada pelo Consórcio MAC-Tardelli e devolvida com o mesmo potencial de uso anterior ao empréstimo. O empreendimento é de responsabilidade do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), que contratou por licitação a STE – Serviços Técnicos de Engenharia S.A. para executar a Gestão Ambiental.


Leia mais...