DNIT lança cartilha sobre a fauna existente no entorno das obras de duplicação da BR-116/RS


Publicada em 11 de Setembro de 2020

Você já ouviu falar do graxaim-do-mato? Do quati? E do mão-pelada? Às vezes passamos por esses animais e não sabemos os seus nomes. Outras vezes escutamos histórias antigas, geralmente usadas para assustar as crianças, que não fazem jus às características daquela determinada espécie. Buscando contribuir para o conhecimento desses animais nativos, que vivem no entorno das obras de duplicação da BR-116/RS, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) lança a segunda edição da cartilha do projeto Pertencer.

Após o lançamento do primeiro volume, que apresentou algumas espécies da flora nativa protegida por lei no Rio Grande do Sul, chegou a vez da “Pertencer - Educação & Biodiversidade na BR-116/RS – Animais Silvestres”. Esta publicação mostra alguns dos animais que foram registrados pelas equipes dos programas de fauna da Gestão Ambiental da duplicação da BR-116/RS (Guaíba a Pelotas).

Na cartilha estão uma ficha técnica contendo as características morfológicas de cada espécie, como o tamanho, a cor, o formato, do que se alimentam, ondem vivem, o grau de ameaça de extinção no Rio Grande do Sul e diversas curiosidades sobre os bichos. O material está recheado com fotos e links para os vídeos como o do projeto “Biodiversificando” que mostra os animais no seu habitat natural capturados pelas lentes das armadilhas fotográficas instaladas no entorno do empreendimento e das músicas do mão-pelada e zorrilho, da banda Os Ambientais.

A distribuição do segundo volume da cartilha “Pertencer – Educação & Biodiversidade na BR-116/RS – Animais Silvestres” está sendo realizada virtualmente para as escolas que fazem parte das ações do Programa de Educação Ambiental da BR-116/RS e está disponível gratuitamente para download aqui no site http://br116rs.com.br/downloads