DNIT/RS organiza programação alusiva ao Dia do Meio Ambiente


Em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente, celebrado em 5 de junho, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes no Rio Grande do Sul (DNIT/RS), por meio da Unidade Local de Pelotas, está organizando uma série de atividades alusivas à data. A agenda prevê ações nos municípios interceptados pelas obras de duplicação da BR-116/RS, entre Guaíba e Pelotas. Durante o mês de junho serão realizadas palestras, visita guiada em praça pública, exposição fotográfica e distribuição de material educativo-informativo. A programação tem como objetivo mostrar para a sociedade as medidas de mitigação e/ou compensação desenvolvidas pela autarquia no empreendimento. 
As ações começam nesta terça-feira à noite, 6 de junho, com apresentação de palestra para alunos do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS), em Porto Alegre. A Gestão Ambiental da duplicação (STE S.A.) apresentará os 28 programas ambientais do empreendimento, destacando os resultados obtidos desde o início das obras até o momento. A mesma palestra será apresentada para técnicos da Secretaria da Saúde, Meio Ambiente, Assistência Social e Habitação de Turuçu, no dia 13 de junho. 
Na quarta-feira, 7 de junho, o DNIT/RS apoia o evento realizado pela Prefeitura de Camaquã. Das 9 às 17 horas, a equipe da Gestão Ambiental estará com estande na Praça General Zeca Netto, no Centro. Além de distribuição de material de sensibilização, a exposição fotográfica “Aqui tem Gestão Ambiental!” estará montada no local. Também haverá visita guiada pela praça para estudantes do Ensino Fundamental da rede municipal. “Essa parceria com o DNIT não é só bem-vinda, mas é essencial. Ela qualifica as nossas atividades na área de educação ambiental”, ressalta o biólogo do Departamento de Educação Ambiental da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, José Silvano Martins Gross. Em caso de chuva a programação será cancelada.
Sobre a data
O Dia Mundial do Meio Ambiente foi instituído em 1972 durante a Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente, em Estocolmo. A data tem o objetivo de alertar a sociedade sobre os problemas ambientais e sobre a necessidade de preservação dos recursos naturais.